8 motivos para você assistir Sense8!

Sense8 é a nova produção da Netflix. Feita pelos irmãos Wachowski, a série foi lançada dia 5 de junho e os 12 episódios da primeira temporada já estão disponíveis. Veja aqui 8 motivos para você dar uma chance para essa série (sem spoilers)!

  • Mind-Blowing!

Esta é uma gíria usada para algo que choca e impressiona. A série é dos irmãos Wachowski, que também fizeram Matrix e Cloud Atlas (A Viagem), então já sabemos que tem algo muito maior acontecendo na história que estamos assistindo. Nos primeiros episódios ficamos confusos com todas as informações que são mostradas, nada parece fazer muito sentido, mas quando as peças vão se juntando e começamos a entender…

A série fala de 8 pessoas que estão interligadas, logo os acontecimentos da vida de um afeta a dos outros, enquanto isso há certas coisas acontecendo que os personagens principais ainda não entendem muito bem. A dinâmica das histórias e como os personagens vão se conectando vai surpreender mais e mais a cada episódio.

  • Os Personagens

Cuidar de uma história com vários personagens principais é difícil, é preciso dar espaço para cada um para que todos tenham seus arcos desenvolvidos. Oito é um número alto, o que podia causar que alguns deles ficassem de canto, porém a série consegue dar espaço para cada um dos personagens principais. No final, existe alguns núcleos com mais espaços que outros, mas boa parte da temporada é dedicada a mostrar cada um dos oito, mostrando que são todos importantes, então nenhum deles parece estar de fora.

Além do mais, por serem tão diferentes entre si, cada um tem um papel importante para a trama. Para os jogadores de RPG, é como se fosse uma grande party, enquanto uma pessoa é boa com armas de fogo, a outra luta corpo a corpo, uma é hacker, a outra mente bem…

Com tantos personagens principais e com todos aparecendo bastante, poderia acontecer dos personagens secundários de cada núcleo ficarem apagados. Mas não, os personagens secundários muitas vezes são tão cativantes quanto os personagens principais.

Dentre os oito principais, quatro são mulheres. Elas são incríveis, Sun faz parte de uma empresa, é sempre séria e focada no que faz, Kala é uma mulher doce, com um bom relacionamento com a família, Riley é uma DJ que parece meio solitária, mas tem amigos e às vezes se mete em problemas, Nomi escreve para um blog, segura de si e muito boa quando usa um computador.

Não são só as mulheres que tem espaço. Nomi é uma mulher trans lésbica, inclusive o seu relacionamento com Amanita é uma das relações mais lindas que vi em ficções. Também temos Lito, um astro do cinema, que por medo de afetar sua carreira, esconde de todos seu relacionamento com Hernando. Tenho esperanças também que outros personagens sejam LGBT+, o quão legal seria se um outros dos oito principais se revelasse bissexual ou assexual?

Também é um alívio ver que não temos só brancos na série, Amanita e Kala são mulheres negras, Capheus e todo o seu núcleo é composto por pessoas negras, Sun e os personagens de Seul mostram os asiáticos… Muitas vezes vemos séries que colocam uma pessoa negra (quando colocam) e se dão por felizes, o que não é o caso de Sense8.

  • Vários lugares do mundo

Como é bom não ver uma história que se passe só nos Estados Unidos! Apesar de haver boa parte que ainda se passa lá, também há cenas na Alemanha, Índia, Quênia… A série consegue mostrar todos esses lugares a partir do arco de cada personagem, o que dá uma dinâmica maior para a história.

A produção de Sense8 realmente gravou em todos esses países em que os episódios se passam, isso é um trabalho tremendo e imagino o quanto de esforço a produção teve para fazer todas essas cenas em lugares diferentes.

  • Cenas de ação incríveis

Em uma série com a dinâmica do Sense8, é muito importante que as cenas de ação consigam seguir esse ritmo. Tanto as cenas com arma de fogo quanto as de luta corpo a corpo são de tirar o fôlego. Até cenas mais simples, como alguém tentando escapar de algum lugar, conseguem ser bastante tensas.

Por causa de alguns elementos da série, que não darei detalhes por causa de spoilers, os cortes e as coreografias precisam ser bem dinâmicos para funcionar, mas isso Sense8 tira de letra.

  • Só mais um episódio…

Apesar de às vezes ficarmos perdidos e de alguns momentos se afastarem um pouco da grande trama central, os episódios sempre deixam um gosto de quero mais, acabando em um momento tenso ou em um ponto que queremos saber o que vai acontecer.

Com o ritmo e a temática dessa história, muitas vezes é preciso que o roteiro tenha um passo diferente do que o que estamos acostumados, então esses finais que nos fazem querer continuar assistindo são muito importantes. Além de finais nas horas certas, os episódios também vão soltado pistas aleatórias de tudo que está acontecendo e ainda não sabemos, fazendo com que busquemos as respostas em cada episódio novo.

  • Binge-Watching

Este termo é usado quando ficamos muito tempo assistindo alguma coisa, como por exemplo quando sentamos na frente da televisão para assistir uma temporada inteira de uma série. Enquanto os seriados que são lançados por canais de televisão vão lançando um episódio novo por semana, a Netflix inovou nessa área, divulgando suas séries em temporadas inteiras, se aproveitando do binge-watching.

Sense8 funciona perfeitamente com essa prática. Quando a série libera um episódio por semana, esperamos que cada episódio tenha um começo, meio e fim, com um clímax no final e se sustente – de certa forma, mas não inteiramente porque é uma série – sozinho. No caso de uma série que já disponibiliza todos os episódios da temporada de uma vez, ela não precisa necessariamente construir seu roteiro assim. Sense8 faz mais sentido e funciona melhor quando assistimos mais de um episódio de uma vez. Ela é construída pensando que a audiência vai sentar e assistir por um tempo, dessa forma, muitas questões do roteiro de cada episódio que, em outra série, deveriam ser resolvidas naquele espaço de uma hora, ganha mais tempo para se desenvolver. Causa estranhamento, mas nesse caso funciona, ainda mais pelo fato da temática do roteiro deixar a audiência perdida.

  • As Mensagens

Repleto de diálogos incríveis, Sense8 fala sobre sobrevivência e aceitação. Quando dois personagens completamente diferentes se juntam para conversar, vemos diálogos que nos arrepiam e falam com algo dentro de nós.

A primeira mensagem vem logo com a temática da série. Em uma época que valorizamos o individualismo, muitos se preocupam mais com o eu do que com o nós, Sense8 nos mostra pessoas que estão interligadas, sentindo e agindo de forma que afeta uns aos outros. Sozinhos e espalhados pelo mundo eles podem cair facilmente, mas quando estão juntos podem fazer qualquer coisa. Além disso, como não amar mensagens feministas, de orgulho LGBT+ e um menino negro falando para um policial branco: “Quando vocês morrem, aparecem na televisão o dia inteiro. Nós morremos todos os dias e ninguém liga”.

A crítica da blog vai sair em breve, mas enquanto isso não acontece, corre na Netflix e assiste Sense8 que está sensacional!

Anúncios

Um comentário sobre “8 motivos para você assistir Sense8!

  1. Pingback: Sense 8 | Primeira Temporada | Ideias em Roxo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s