Rat Queens | Mulheres na fantasia medieval

rat-queens

Há algum tempo atrás escrevi esse texto que fala sobre machismo na fantasia medieval. O que acontece é que, como desculpa para não pensar fora da caixa, muitos roteiristas/produtores/diretores/escritores desse gênero acabam reproduzindo machismo em suas histórias. Quando questionados, insistem em falar que “naquela época era assim”, e como falo no outro texto, isso não faz o menor sentido.

Veja bem, a reclamação não é que nenhuma obra de ficção de fantasia medieval não possa falar sobre machismo, a crítica é que as pessoas repensem nas mensagens que querem passar. De qualquer forma, já falei sobre isso, então mais sobre esse assunto no outro texto.

No ano passado ouvi falar de um quadrinho chamado Rat Queens. A história acompanha um grupo mercenário chamado Rat Queens, composto por quatro mulheres que passam por inúmeras aventuras. O quadrinho é de fantasia medieval e até tem uma pegada que lembra RPG: Uma party em que cada uma das quatro personagens tem uma classe específica, juntas elas se completam e compõe um grupo poderoso.

Apesar de ter o quadrinho há alguns meses, só nos últimos dias que realmente sentei para ler tudo e descobri que agora está em hiato (infelizmente). A história é incrível, todas as personagens são complexas, a trama em geral do quadrinho também vai avançando de forma interessante e todos os núcleos são divertidos. Apesar do hiato, é uma história que eu recomendo e já tem em português pela Jambô, inclusive a Rebeca já escreveu sobre isso no Collant.

Mas o que é mais surpreendente e legal de Rat Queens é que essa é uma história de fantasia medieval que não usa nenhuma das “desculpas” clássicas do “naquela época”. Rat Queens mostra que é perfeitamente possível fazer uma história desse gênero sem colocar estereótipos machistas por causa da “fidelidade histórica”.

Continuar lendo

Krogan | O Universo de Mass Effect

E aí gente, como é que vocês estão?

Os vídeos de Mass Effect não param! Dessa vez falei dos krogan, a raça do Wrex, Grunt e Eve. Os krogan são uma raça que são conhecidos por serem mais “agressivos”, territoriais e muito forte.

Todos os três jogos da franquia dão algum destaque para os conflitos e a vida dos krogan, o único jogo que não tem um companion da raça é o Mass Effect 3, mas eles continuam presentes e importantes para a história.

Inscreva-se no canal e curta o Ideias em Roxo no facebook!

Quarian | O Universo de Mass Effect

E aí gente, como é que vocês estão?

Pode vir que hoje tem mais vídeo de Mass Effect! Ainda falando sobre raças, agora é a vez dos Quarian!

Os Quarian são uma raça nômade, eles perderam seu planeta natal séculos antes dos eventos do primeiro Mass Effect. A maior representante da raça no jogo é a Tali, que aparece em todos os três jogos.

Inscreva-se no canal e curta o Ideias em Roxo no facebook!

Resenha: Estranhos, de Fefê Torquato

img_3759

Estranhos foi lançada em março de 2016, após ser financiada coletivamente no Catarse. A história do quadrinho de Fefê Torquato é contada do ponto de vista de um narrador que observa moradores de um prédio. Não sabemos quem é esse personagem, mas podemos acompanhar enquanto ele vai inventando histórias para pessoas que ele vê pela janela.

O quadrinho é dividido em partes, cada uma delas mostra um dos apartamentos. Acompanhamos aqueles moradores com a mesma curiosidade do narrador, enquanto ele nos apresenta o que acredita ser real, podemos tirar nossas próprias conclusões a partir do que vemos. Temos pessoas de todos os tipos, desde o ator frustrado até a família aparentemente perfeita.

Uma das coisas mais interessantes é como o leitor se relaciona com o narrador. Afinal, não estão os dois acompanhando a vida de pessoas que não conhecem? Óbvio que para o leitor, são personagens de uma história, mas tanto quem lê como o narrador não sabem o que realmente acontece com aqueles moradores, só podemos adivinhar e observar sem sermos convidados.

Continuar lendo

Mass Effect Andromeda na PlayStation Meeting 2016

E aí gente, como é que vocês estão?

No dia 07/09/16 a Bioware mostrou um pedaço da gameplay de Mass Effect Andromeda na PlayStation Meeting. Então é óbvio que tem um vídeo sobre isso!

Antes de você ir assistir, tem outra novidade que eu só fiquei sabendo depois que tinha terminado o vídeo: De acordo com Mac Walters, diretor criativo da Bioware, o que conhecemos como “Ryder mulher” e “Ryder homem”, protagonista de Mass Effect Andromeda, na verdade são irmãos e não uma versão diferente um do outro!

Aparentemente nós escolhemos um deles para ser nosso personagem principal, ao longo do jogo também podemos ver o que acontece com o personagem que não escolhemos. Além disso, o pai dos irmãos Ryder também já apareceu, ele é o personagem naquele primeiro trailer que saiu em 2015.

Mac Walters disse que agora a família Ryder foi totalmente revelada. Já que a Bioware tomou essa decisão em relação aos protagonistas, provavelmente a interação da família é importante para o jogo e tratá elementos novos para a história. Esse é o primeiro jogo da Bioware que apresenta irmãos protagonistas, existindo independente do personagem que escolhemos jogar.

Você tá empolgado com essa notícia? Porque eu estou!

Agora segue o vídeo que gravei com as outras informações que vimos no novo vídeo de gameplay.

Inscreva-se no canal!

Eu fui: Brasil Game Show 2016

IMG_3714

A Brasil Game Show, a maior feira de de games da América Latina, está na sua nona edição. Ela vai até o dia 5 de setembro e há vários stands e jogos para os visitantes testarem. Apesar da feira parecer ter menos lançamentos que no ano anterior, ainda tem muita coisa interessante para ver.

Não tive nenhum problema para entrar e esse ano consegui aproveitar melhor os jogos do que no ano passado. Como sempre, há várias opções de stands para os visitantes aproveitarem: Ubisoft, Sony, Microsoft, Warner, Área Indie…

A minha primeira parada foi o stand da CD Projekt Red, que estava bem localizado e chamativo. Depois do sucesso de Gwent, jogo de cartas do The Witcher 3, a empresa resolveu fazer uma versão online e conseguimos testar um pouco. São quatro opções de baralho, o jogo está todo em português e a experiência é muito divertida. É um pouco difícil pegar o jeito no começo, ainda mais para quem nunca jogou, então espero que eles pensem em uma parte de tutorial para o começo do jogo. Várias regras continuam as mesmas, mas algumas coisas foram mudados. O jogo está bem divertido, recomendo e mal posso esperar o beta!

Continuar lendo

Salarian | O Universo de Mass Effect

E aí gente, como é que vocês estão?

Continuando aquela série de vídeos sobre Mass Effect, hoje vamos falar da única raça que faz parte do Conselho da Citadel que não tinha vídeo ainda: Os salarian. No jogo, o personagem da raça que mais aparece é Mordin Solus, o cientista que pode ser recrutado no Mass Effect 2.

Inscreva-se no canal e curta o Ideias em Roxo no facebook!